Institucional
Serviços
Links úteis

Agência Nacional do Petróleo

Ministério do Meio Ambiente

GNV : Cilindros precisam passar por testes

A vida útil deles é de 20 anos, mas a cada- cinco anos, a partir da data de fabricação do cilindro, devem passar pelo teste hidrostático

Pode não parecer, mas o cilindro que armazena o Gás Natural Veicular (GNV) tem prazo de va lidade. A vida útil dele é de 20 anos, mas a cada- cinco anos, a partir da data de fabricação do cilindro, deve passar pelo teste hidrostático e assim, ser requalificado para garantir a segurança do usuário. A requalificação é regulamentada pela norma 12.274 do Inmetro, e é considerado como de fundamental importância para se evitar acidentes como explosão e rompimento do cilindro, que tem na negligência do usuário do GNV a principal causa.

Em Criciúma, aonde o GNV chegou há cerca de seis anos, há uma série de veículos cujos cilindros precisam passar pela requalificação. Segundo Evandro Luis Segala Martins, engenheiro responsável pelas inspeções na Carseg Inspeções de Segurança Veicular, organismo creditado pelo Inmetro, o consumidor deve ficar atento na hora de procurar o serviço. Segundo ele, o proprietário do automóvel deve saber que oficinas mecânicas não estão habilitadas para retirar o cilindro a ser requalificado. "A retirada do cilindro deve ser feita por uma convertedora e a requalificação, por uma empresa homologada para realizar o trabalho. A requalificadora não precisa necessariamente ser uma convertedora, basta ser homologada para requalificar o cilindro", explica. Além de retirar o cilindro para encaminhar a uma requalificadora, a recolocação dele no automóvel após o teste hidrostático também deve ser realizado por uma convertedora.


Testes

rigorosos


A requalificação consiste em uma série de testes para detectar a possibilidade dos cilindros continuarem sendo usados por um período de mais cinco anos, até que novos testes sejam realizados. Clodimar Marcos Dalzoto, proprietário da Mecânica CD Car, convertedora e primeira empresa do Estado a ser homologada pelo Inmetro para requalificar os cilindros de GNV há três anos, afirma que o teste hidrostático dura dois dias. Segundo ele, durante o teste, é imprimida uma pressão superior a que o cilindro trabalha costumeiramente. Assim, a pressão de 200 bar que o cilindro é sujeito quando o consumidor o enche de GNV passa a ser de 300 bar durante o teste. "Com isso o cilindro se expande e se essa expansão for superior a 10%, o cilindro é reprovado", afirma Dalzoto.


Mais de 99% dos cilindros

são aprovados


Além da expansão, durante a requalificação são verificados corrosão, desgaste das paredes, situação da rosca e da válvula. Para analisar o desgaste, que não pode ultrapassar 10%, a medição é feita com o auxílio de um ultra-som. Para passar no teste, o cilindro também deve ter a marcação original. Por último, o cilindro é jateado para que a tinta antiga seja retirada e a nova pintura realizada. Segundo Dalzoto, a cor mundial para indicar que o cilindro armazena GNV é amarela. Ele afirma que mais de 99% dos cilindros são aprovados nos testes e que a maioria dos reprovados até agora foram rejeitados devido a marcações irregulares no corpo do cilindro. O desgaste seria a segunda causa mais recorrente. Os cilindros reprovados são entregues cortados aos proprietários, que não costumam receber bem a informação de que terá que ser instalado um novo cilindro. "As pessoas não gostam muito de saber que o cilindro foi rejeitado, mas elas devem pensar primeiro na segurança", afirma. Após a requalificação, o cilindro precisa passar pela inspeção de um organismo acreditado pelo Inmetro.


FONTE: A Tribuna

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
31/10/2014 16:41:10 - Petrobras diz não haver decisão sobre reajuste
30/10/2014 17:09:36 - Donos de Postos apostam em Gasolina 6¢ mais cara
30/10/2014 17:07:08 - Biomassa já responde por quase 10% de toda a matriz energética do Brasil
30/10/2014 17:06:01 - Shell tem lucro líquido de US$ 5,27 bilhões no 3º tri
30/10/2014 16:56:30 - Reforço para reverter ‘pessimismo’



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Pesquisa

Pesquisa avançada
Fique por dentro

Clique aqui e assine nosso Feed !!!

Digite o seu e-mail:

Entrar
Usuário:

Senha:


Esqueceu a senha?

Cadastre-se agora.
WebMail


Para acessar seu Webmail escolha a terminação de seu e-mail:

suportepostos.com.br